segunda-feira, 16 de agosto de 2010

The Last Airbender



Sábado à noite foi o nosso programa.

Eu, fã do Shyamalan me confesso. "O Sexto Sentido" foi um dos filmes que mais gozo me deu ver. O "Signs" fez-me um medo indescritível. Os seguintes já não apreciei tanto, mas ainda assim não perdi nenhum. Este último... deu-me mixed feelings. Por um lado, gostei imenso da história fantasiosa mas diferente, dos cenários, da cenografia em si. Os movimentos dos benders e as katas que eles executavam eram fenomenalmente belos.
Mas o filme em si não tem aquela mística Shyamalan que eu espero sempre de um filme dele. Enfim, aguardamos a sequela.

No entanto, o que realmente "matou" a experiência para mim foi a porcaria do 3D. Mas que raio se passa agora que em três filmes que saiam para o mercado, um tem de ser apresentado em versão 3D? É horrível, porque a maioria dos filmes em 3D (este incluído) não ganham nada com essa versão. Pelo contrário. Em "The Last Airbender", o filme ficava ainda mais escuro, não havia nenhuma cena ou movimentação que justificasse a experiência 3D e os óculos que me deram no cinema magoavam-me terrivelmente. Resultado: vi quase todo o filme sem os óculos - e acreditem que vi tudo bem melhor do que devidamente apetrechada com os ditos!
O que estes cinemas não fazem pelo lucro... Mas digo-vos: mal eu saiba que um filme vai ser lançado em 3D, é certinho que o vou ver em casa. And that's that.

4 comentários:

_+*Ælitis in Paris*+_ disse...

Gosto do Shyamalan MAS tenho de concordar contigo sobre a experiencia 3D. Não que os oculos me magoem MAS nem todos os filmes precisariam de ser colocados nesse formato. Algumas cenas, justificava, como o movimento da agua e do fogo MAS não para o filme inteiro. Mas quando eu tirava os oculos, tudo ficava meio fusco. E como dizes, o filme ja era escuro, não ajuda. Bom, testamentei mas tinha de ;)

Sofia disse...

Pois, parece que é moda os 3D...eu esse não vi, mas já ando fartinha de pôr óculos e já tenho saudades de um filme " normal":)

Anónimo disse...

Eu vi sem ser em 3D!!!Gaça a Deu!!fico feliz que tenhas gostado das katas e orgulhosa de teres aplicado o termo..hihihihi;)Bola

VannD disse...

Sem dúvida que os filmes em 3D ganham aos pontos aos filmes em 2D. A maior interactividade com o público é evidente. A minha critica vai para os preços praticados mas mais especificamente para os óculos. Em Braga utilizam-se os óculos descartáveis. Existe um tamanho único para todos. É escusado dizer que a uns ficam largos e a outros apertados [aos cabeçudos como eu :)]. Acredito que no fim, quando os deitamos num caixote à saída, eles vão ser reaproveitados. Existem no entanto outros cinemas que utilizam o sistema de "óculos de aluguer" em que têm de ser devolvidos a um funcionário no final. O grande problema prende-se com o facto destes virem todos sujos e engordurados. Passei todo o intervalo a tentar limpá-los. Só consegui piorar.
Passei mais de metade do filme sem os óculos. Assim não dá!!