sexta-feira, 13 de agosto de 2010

Maravilhas da natureza...


...ou não.

Não fossem os pés e pernas peludos, esta imagem podia ter sido produzida lá em casa. Esta vossa amiga tem tentado o seu melhor para fazer tudo direitinho, comer de acordo com a diet (até tem passado por momentos de falta de apetite, devido ao calor), tem feito exercício (hallellujah!!!), indo fazer caminhadas diárias de 30/40 minutos, acompanhadas de uns bons crunches para a barriguinha teimosa, bebido a sua aguinha...

Prevaricou ontem, porque não fez a caminhada, e prevaricou na 3a feira, porque era dia 10 e foi jantar com o seu amor - comeu sobremesa. De resto, é tudo como vos conta. Que tal a introdução na 3ª pessoa, à jogador da bola?...

E a balança, essa amiguinha, mostrou resultados? Sim!!! 1 kg... a mais!!!!!!!!

Como isto me acontece, não faço ideia alguma. Mas aqui entra a verdadeira maravilha: I don't give a damn! Sinceramente, estou cansada disto. Como pouco, como coisas que não aprecio, tudo em prol de uma silhueta melhor. Melhor para quem???

Já há algum tempo que estou a tentar mudar de atitude perante a minha figura e o meu peso. Precupa-me muito engravidar e ganhar alguma depressão por causa de me ver de um tamanho (ainda) maior. E se ainda não engravidei, é porque continuo desesperadamente a tentar perder o peso extra, para depois não me custar tanto ver os kgs a treparem pela balança fora.

Mas cheguei à (triste) conclusão que, mais do que mudar por fora, é URGENTE mudar por dentro. Perder as inibições que ganhei e que antigamente não tinha (e sempre fui uma pessoa de peso flutuante). Por tanto ouvir determinadas coisas, convenci-me que sou horrorosa assim. Há dois anos que evitava ir à praia (e esta é uma verdade que agora assumo com vergonha), para não ter de me mostrar quase despida. Se ia, não tirava a roupa. Custa-me muito ver o meu corpo e que vejam o meu corpo. Até as pessoas que eu sei que me amam assim. E isto é doloroso de dizer.

Mas que raio - cheguei eu ultimamente a essa conclusão -, não sou nenhum bicho! Não sou obesa! E se é assim que sou, então que se danem as mentes tacanhas que não gostarem do que vêem. E que se dane a minha própria pobreza de espírito! Este ano já fui à praia, despi-me, apanhei sol e estou viciada! Já vesti vestidos curtinhos, calções curtinhos e sabem que mais? Estou a gostar de me ver assim! Sinto-me mais bonita, mais sensual. Ando na rua com confiança, não encolhida para me tornar mais pequenina... EU SOU GRANDE! E não há nada a fazer quanto a isso. E, em vez de me ver como uma baleia, devo ver-me como uma mulher... vistosa. Voluptuosa. Ou whatever, desde que deixe de lado essas parvoíces.
Quando engravidar, tenho de comer aquilo que for melhor para o meu bebé. Vou ter de comer queijo e pão. Vou ter de comer coisas boas e saudáveis. Não vou criar qualquer desculpa para comer por dois, mas não vou comer por meio. Isso eu garanto. Vou querer engordar aquilo que é saudável para o meu bebé. Nem mais, nem menos. E vou ter de olhar para mim e gostar!

Como agora gosto. Tenho mais um kg? Who the hell cares anymore??!!

21 comentários:

veeny disse...

Gostei de ler. Gordas, magras ou estrambólicas, o que interessa é sentirmo-nos bem connosco e gostarmos de nós. Por vezes erramos ao pensar tanto no que os outros pensam de nós! Boa praia ;)

Rita G. disse...

Uma coisa é certa, se queremos mudar tem de ser por vontade própria e não pelo que os outros nos dizem! Não fiques com medo de engravidar, não penses que depois vais engordar muito porque isso só acontece se não olhares mesmo nada ao que comes. Eu antes de engravidar pesava à volta de 63 kg. Engravidei e engordei 12 Kg. Depois de ter a Matilde fiquei com 62 e agora tenho 57 porque tenho feito um esforço por não ceder tanto a doces e a pão, a minha perdição! Se te sentes bem isso é o que interessa. A sensualidade e a beleza não estão ligadas aos quilos, há por aí muita gente magra sem piadinha nenhuma! Bj linda!:)

Me disse...

É isso mesmo! A primeira atitude e o mais importante é isso mesmo: gostares de ti!!! E acredita, isto não é balela nenhuma!!!

Força e é isso mesmo, acreditar que és excepcional!

Queen of Hearts disse...

Obrigada meninas. Girl power rules!!! :))))))

Kika disse...

Amei o post! Isso sim, é importante: Sentires-te bem (O que se nota!!!); Sentires-te feliz. Quando engravidares, o que interessa é que cuides de ti e do teu bebé! Se estiverem felizes, tudo o resto acaba por ir ao lugar com o tempo!!!

FORÇA!

hoje vou casar assim disse...

Adorei ler!! :)
Eu penso da mesma forma, e acho que isso ajuda!

E deixa-me reforçar a ideia: tu és linda, tanto pelo exterior como pelo interior! Sabes que estou a ser sincera.


beijinhos

Queen of Hearts disse...

Meninas, vocês ajudam mesmo a manter o espírito cá em cima! :))

HVCA... Awwwwww. Obrigada.

Leana disse...

Queen minha querida, tu tens uma cara linda, tens estilo, bom gosto, atitude, cabeça arejada e carácter!
Não permitas que esses kg que te incomodam, te impeçam de veres a mulher bonita e charmosa que és.

Eu queria emagrecer 4 kg mas acabei por engordar 2! E sabes que mais? Já que com dieta ou sem dieta isto não vai abaixo então acabei de comer duas fatias de semi-frio de morango que me souberam maravilhosamente bem :)

Mas tu és uma mulher giríssima, acredita que és!

Um beijo de gosto-te muito :)X

with love fotos disse...

Wow, finalmente! :)
Sabes que és uma mulher linda, por fora e por dentro! Assim especial, especial como não há muitas.

Agora, espero ansiosamente pelo post ou mail a anunciar a Princess ou Prince of Hearts! :P

Beijinhos e um fim de semana delicioso.
Claudinha

L de Leão disse...

Eu também gostei muito de ler :).

E mais, esse Kg vem do exercício físico, ou seja, músculo!! Fizeste avaliação?

Queen of Hearts disse...

Já não tenho palavras para vos agradecer a força, mas não quero deixar de o fazer. É isso mesmo que eu preciso, é força para acreditar sempre em mim e não me voltar a ir abaixo. Por isso, minhas amigas, o meu muito obrigada pelas vossas palavras!

L, ainda não voltei a fazer avaliação, só no início de Setembro! Achas mesmo que é isso? Eu só tenho andado. Bem, na verdade, marchado! Pareço a Susana Feitor aqui pela estrada fora! Mas não sei se será suficiente para isso... Achas?

L de Leão disse...

Pode ser isso perfeitamente! Se agora fazes com regularidade, ´´e normal que ganhes massa muscular ;).

E há sempre diferença em diferentes balanças!

(mandei mail)

Anónimo disse...

Eu só digo..Finally!!!!!!!!!
Já esperava por isto há muito!!!
Beijos
Love u!!!!!!!!
Bola

Queen of Hearts disse...

L, não recebi...

Amiga, eu sabia que tu ias gostar de ler isto, é a lição que há muito tentas meter a martelo dentro desta minha cabeça dura! :D Love u 2.

A miuda dos saltos altos disse...

Gorda ou magra o que importa é seres feliz :)

Miss Star Pink disse...

Dear Queen,
que feliz q fico por teres chegado a essa conclusão. :)
Sabes q por norma só digo verdades e a verdade, verdadinha é que és linda por fora e por dentro. Não e não estou a mentir. És uma pessoa especial, daquelas q já não existem.:)
No nosso último encontro disse q achava q estavas mais magra e contínuo a achar. Mete na tua cabeça q és linda, charmosa, inteligente, simpática, jeitosa e cheia de presença. Apesar de teres uns Kg's a mais do q eu, não te vejo mt diferente de mim. És uma mulher alta q marca pela presença qdo chega a um local. Para finalizar tens um nome muito bonito. ;)

Beijinho com carinho

Sofia disse...

Eu quando engravidei do primeiro também estava gordita. Portei-me na gravidez e agora estou mais magra do que na altura.

Bom post!!!!
Bj

VannD disse...

Tentei evitar comentar este post mas não consigo. Existem algumas coisas que preciso dizer.
Naturalmente, na qualidade de "King of Hearts" :) só tenho elogios a fazer à minha Queen. Não é obrigação mas sim constatação.
Eu sou "a" testemunha de todo o seu esforço, sacrifício e dedicação. Por isso tenho também que ser o seu testemunho.
Apraz-me saber que existem neste blog muitas seguidoras capazes de fazer a diferença. O poder de uma única palavra no momento certo é capaz de desencadear uma sequência de acontecimento positivos. É nisso que eu acredito.
Tornei-me uma pessoa melhor a partir do dia que a conheci. E acredito piamente que ninguém fica indiferente à sua presença.
Não posso dissertar sobre a sua personalidade nem sobre a importância da sua existência na minha vida. Seria um texto demasiado extenso.
Deixava apenas um recado para a minha dear Queen: "There's no I in We". Somos um. Partilho as ansiedades, preocupações, alegrias e tristezas. O que te preocupa... preocupa-me. Estou a adorar os nos fins-de-semana na praia. Nao és GRANDE... és ENORME!
Bjo grande

Queen of Hearts disse...

Love you, babe. :)

Meninas, obrigada. Cá continuo com a boa onda, se Deus quiser! :P

Nokas disse...

Que post fantástico!!! Adorei ler!!
:)

Isaal disse...

Adorei este post!!! E estou 100% de acordo, eu que neste verão decidi dar "o grito do ipiranga" e comprar um bikini e como me conhece sabe que sou "cheínha"...no entanto não me importo nada com isso quem não gostar feche os olhos, temos pena!!! A verdade é que me sinto muito melhor de bikini do que de fato de banho como usei durante 20 anos.... apesar do meu marido todos os anos insistir para que eu comprasse um bikini. Também estou a fazer dieta os resultados já se vêm e estou cada vez mais feliz!!!
Força Sara, e temos que gostar de nós como somos!!!

Beijo.

Isabel