quinta-feira, 23 de setembro de 2010

Já o contrário, para mim...


... é o Mário Augusto.

Coitado do senhor, não é que eu antipatize com ele, eu até o acho algo simpático na apresentação, sabe a sua quota-parte da sua área de movimentação (o cinema), mas o que acontece é que o acho o verdadeiro cromo. Comete gaffes volta e meia; gosta imenso de falar das estrelas que conheceu pessoalmente e das festas VIP onde esteve... E tem a PIOR pronúncia inglesa de sempre. Eu sinceramente acho que os entrevistados devem responder por intuição!

Ainda hoje o estava a ouvir na Antena3 e só me ria. Falava do All Street (ele queria dizer WALL Street), em que entrava "o Michael Douglas e o Charlie Sheen... Não, o filho, o Martin Sheen. Não, esse era o pai, era o filho o Charlie Sheen." Só me ria.

1 comentário:

Rita G. disse...

Sou sincera, sempre achei o inglês desse senhor muito mauzinho e as entrevistas que faz são do piorio...ai tanta gente talentosa que por aí anda sem ter uma oportunidade...bj:)