domingo, 24 de outubro de 2010

À deriva


Acabei de ver. Gostei muito, muito! Trata-se da história de uma família em ruptura, vista pelos olhos da filha mais velha, que aos 14 anos também começa a descobrir os caminhos do amor. Gostei particularmente do prisma pelo qual nos são desvendados os mistérios da família, que permitem um volte-face interessante no final da trama.

Valeu ver o Vincent Cassel e a Camilla Belle a falarem português do Brasil: o Vincent correctíssimo, mas adorável no seu sotaque francês (eu tenho uma espécie de fascínio por este homem, não sei porquê); a Camilla perfeita, quase passava por nativa. 10-0 ao Javier Bardem, lamento.

Valeu ainda para matar saudades desta música, que ouvi dezenas de vezes na minha adolescência, sempre que vi o Dirty Dancing. Soube muito bem.

6 comentários:

Leana disse...

Hummm...deixaste-me com água na boca :)

O filme deve ser o máximo!

Cat e Ju disse...

Deve ser maravilhoso! E a Camila fala muito bem brasileiro sim ou não seria ela filha de brasileira :)

Bags&Books disse...

Aonde viste? Está no cinema ou em videoclubes?

***

Queen of Hearts disse...

Leana, vale a pena. ;)

Cat e Ju, está explicado, então! :)) Ela fala MUITO bem!

Bags anda Books, acho que o filme não fez circuito comercial em Portugal. Foi mesmo via net. ;)

Beijinhos a todas

VannD disse...

Este filme teve uma elogiada passagem pelo Festival de Cannes em 2009. Infelizmente, em Portugal é mais um que passa directamente ao lado das salas de cinema. Existe a possibilidade de o vermos numa "Sessão de Cinema de Culto" ou "Alternativo" algures, daqui a uns anos. Pouco provável mas há que manter a esperança.
Este filme conta também com a participação dos actores brasileiros: Debora Bloch e Cauã Reymond.

Nokas disse...

Deve ser fantástico! :)