sexta-feira, 29 de janeiro de 2010

As massagens - update


Não, ainda não estou com os abs da Heidi Klum. Mas, após 4 semanas de valente coça na marquesa da Isaura, conforme contei aqui, estou pronta para o primeiro update.

Aparentemente, os progressos são visíveis. Segundo a própria terapeuta, a minha celulite era bastante jovem. Isso não me espanta, visto que até 2009 eu não tinha celulite nenhuma à vista (em contrapartida, em pouco tempo consegui atingir um grau III). Assim, e atenta a juventude da maldita, tem sido relativamente fácil desfazer os nódulos existentes. Pelo menos, ela o diz e eu confirmo. Já olho para a frente das minhas coxas sem achar que estou a olhar para a superfície lunar.

Quanto às dores excruciantes que senti no princípio: são menores agora. Não digo que não doa, porque na parte lateral e traseira da coxa, onde ainda há uma camadita de nódulos, os dedos férreos da Isaura fazem-me querer morder alguma coisa para não gritar. Mas no resto já se suporta.

Uma boa notícia: ela diz que no abdómen a coisa não é tão grave quanto eu pensava. Que eu até tenho relativamente pouca gordura nessa zona. Só que está tão ridiculamente flácida, que aparenta ser pior do que o que realmente é. Nem tudo está perdido, minha gente. Qualquer dia ando a exibir-me por aí de blazer e biquini por baixo.

Serãozinho bom


Um jantarzinho italiano com um bom vinho, na companhia do meu mais-que-tudo, da B. e da S.. Ou seja, muito regabofe, risota e catching up to do. No final, um pezinho de dança. Aaahhhhh, é sexta-feira.

quinta-feira, 28 de janeiro de 2010

O meu primeiro desafio...


... blogosférico. Chegou a mim através da L de Leão, e vai ser com muito gosto que vou desvendar (mais) um pouco de mim nas próximas linhas.

a) Tens medo de quê?
De perder as pessoas que amo, de partir e fazer sofrer as pessoas que amo. De ratos, aranhas e centopeias. De cair. De falhar.

b)Tens algum guilty pleasure?
Ui, tantos! Muitos deles resumem-se à comida em geral: sou muito gulosa, tanto de doces como de salgados. E sucumbo muitas vezes às tentações.

c) Farias alguma "loucura" por Amor/Amizade?
Sempre fiz coisas que as pessoas podem catalogar como loucas por amor e por amizade, e tenho a certeza que, se for necessário, sempre continuarei a fazer.

d) Qual o teu maior sonho? [não vale responder: Paz,Amor e Felicidade ;)]

Continuar a viajar com o meu companheiro de vida, tanto em sentido literal, como figurado. Fazer com ele as viagens que só podemos fazer juntos, por essa vida fora.

e) Nos momentos de tristeza/abatimento, isolas-te ou preferes colo? [não vale brincar]
Colo. Eu não sou de guardar nada cá dentro, nem de me isolar. Sofro menos, começo a relativizar os problemas mais facilmente, ouço coisas sábias, e as soluções surgem-me mais depressa.

f) Entre uma pessoa extrovertida e outra introvertida, qual seria a escolha abstracta?
Neste campo, e sem demagogias, a minha escolha nunca cairia no radicalismo de um extremo. A minha escolha seria (foi) uma pessoa cordial, simpática, divertida, embora reservada e ponderada.

g) Sentes que te sentes bem na vida, ou há insatisfação para além do desejável?
Há insatisfação para além do desejável. Eu sou tão exigente que quero sempre mais. Não me refiro ao plano material (em que nunca ganho nem tenho tanto como podia e devia), mas ao plano espiritual e da realização pessoal. Neste momento não me sinto bem na vida, por causa do meu quadrante profissional. É engraçado, andava mesmo a pensar escrever um post acerca disso.

h) Consideras te mais crítico ou mais ponderado?(mesmo sabendo que há críticas ponderadas)
Mais crítica. Embora sempre na brincadeira (sou incapaz de fazer mal a quem quer que seja), tenho uma língua afiada quando me ponho a criticar. Mas com a idade tenho aperfeiçoado - e muito - a arte da ponderação.

i) Julgas- te impulsivo, de fazer filmes... paciente, ou...? (define o que te julgas no geral)
Até aos 25 era impulsiva... agora faço filmes. Paciente, tenho pena, nunca fui e acho difícil tornar-me agora. Sou Escorpião!

j) Consegues desejar mal a alguém e eventualmente concretizar? [responder com sinceridade]
Hehe acho que acabei de responder a esta... Não, por mais que me magoem e eu fique zangada com essa pessoa, a minha solução é sempre ser directa, e em casos extremos, cortar a pessoa da minha vida. Nunca fui capaz de me vingar de alguém ou de lhe desejar mal. Aliás, acredito na justiça divina, kármica ou poética, conforme lhe queiram chamar.

k) Conténs-te publicamente em manifestações de afecto (abraçar, beijar, rir alto...)
Sou uma beijoqueira e uma pessoa "de toque", mas nunca excedo aquilo que considero o limite. Odeio exageros. Considero-me carinhosa, mesmo em público, mas discreta.

l) Qual o lado mais acentuado? Orgulho ou teimosia?
Ambos, sou Escorpião!

m) Casamentos Homossexuais e direito à adopção?
Sim a ambos, mas em relação ao segundo tópico penso que se deve avançar com mais cautelas e com certos timings, para ajudar a que a sociedade se possa harmonizar e criar um bom ambiente, nutritivo e amistoso, para o nascimento destes "novos" formatos familiares.

n) O que te faz continuar o blog?
O facto de gostar tanto de o fazer. O que começou como uma terapia, tornou-se para mim num prazer - e num vício!

o) O número de visitas ou de comentários influencia o teu blogue?
Bem, como tenho poucos seguidores e comentários, acho que não penso muito nisso dessa forma. Pode ser que futuramente sim... embora não o creia, porque me conheço e gosto muito de fazer as coisas à minha maneira, no matter what.

p) Na tua blogosfera pessoal e ideal, como seria ela?
Bastante parecida com a real. Só eliminaria aqueles "anónimos" de que às vezes vejo as pessoas queixarem-se, incomodativos e incapazes de assumirem a sua identidade quando atacam alguém. Odeio cobardes.

q) Deviam haver encontros de bloguistas? Caso sim, em que moldes? Caso não, porquê?
Porque não?! Já conheci variadas pessoas com quem apenas contactava pela net, e a única coisa que posso dizer acerca disso, é que só veio acrescentar gente bonita (por fora e por dentro) à minha vida!

r) Sabes brincar contigo mesmo e rir com quem brinca contigo? (Sem ironias)
Sim. Quase sempre.

s) Já agora, qual ou quais os teus piores defeitos?
Aqueles que eu mais detesto em mim são a preguiça, a gula e a insegurança.

t) E em que aspectos te elogiam e/ou achas ter potencialidades e mesmo orgulho nisso?
O facto de ser uma pessoa (con)fiável, verdadeira e que gosta de fazer bem aos outros.

u) Entre uma televisão, um computador e um telemóvel, o que escolherias?
Um bilhete de avião. Está bem, pronto... o computador.

v) Elogias ou guardas para ti?
Elogio muito. Elogio sempre que gosto. Um elogio sentido é a última coisa que devemos guardar para nós.

w) Tens a humildade suficiente para pedir desculpa sem ser indirectamente?
Tenho. Apesar de ser orgulhosa e teimosa, sou capaz de pedir desculpa sempre que concluo que não tenho razão. Às vezes também para evitar males maiores - custa ultrapassar o orgulho, mas consegue-se. E sempre, SEMPRE, directamente. Odeio que não me saibam pedir desculpa, por isso faço-o da maneira mais correcta que sei.

x) Consideras -te, grosso modo, uma pessoa sensível ou pragmática?
À conta do meu trabalho, tornei-me bem mais pragmática do que originalmente era. Mas de raiz, muito sensível. Sou Escorpião!

y) Perdoas com facilidade?
Sim, mas é-me muito difícil ultrapassar uma mágoa, tirá-la da minha memória. Uma vez que o consiga fazer, é para sempre.

z) Qual o teu maior pesadelo ou o que mais te preocupa?
Nunca mais ser capaz de me sentir real, efectiva e totalmente despreocupada, realizada, relaxada. Feliz a 100%.

Na minha mesinha de cabeceira (#4)


É desta que eu acabo a saga. Devagar, devagarinho, lá vou indo. Gostei mais do Eclipse do que dos dois anteriores, sem dúvida porque já tinha visto os filmes e, em consequência, voltar a ler toda a história era um pouco mais entediante. Pelo lado negativo, continuo a encontrar algumas características algo "adolescentes" na narração, o que me por vezes me corta algum do interesse. E aquela Bella enerva-me a toda a hora. Eta personagenzinha sonsa. Mas overall, sim, estou rendida.

quarta-feira, 27 de janeiro de 2010

Obrigada Stacy & Clinton


It's not the body, it's the clothes!

If the pants don't stop at your station, IT'S NOT YOUR TRAIN!!!


Já me sinto muito melhor.

Saldos


Tirando a minha linda trench (que ainda não tive oportunidade de fotografar com o meu chapéu leopard print, mas lá chegarei - preguiça rules), estas foram as minhas únicas compras de saldos. Eu sei que não serão para todos os gostos, mas eu adoro-os. Não são tão claros como parecem na parte da camurça, por isso a diferença de cores não é tão grande. E no pé ficam lindos!

Nota: perdão pela péssima qualidade da foto, mas não tenho mesmo paciência para me esmerar. :( O fotógrafo da casa é mesmo o M.

terça-feira, 26 de janeiro de 2010

Experimentei e adorei



A base Teint Delight Gel Foundation, da Nivea. É muito levezinha e funde-se maravilhosamente com a pele, sem deixar ganhar oleosidade ao longo do dia. Andava a usar uma da La Roche Posay, mas mal ela acabe acho que vou comprar a da Nivea.

Não tenho por hábito usar no rosto produtos de supermercado, porque sempre tive a pele algo sensível e propensa a irritações; mas este é muito suave e agradou-me tanto...

Já não é a primeira vez que te digo...


... mas não me canso de to dizer.

"Se amo os teus pés
É so porque andaram
Sobre a terra e sobre
O vento e sobre a água,
Até me encontrarem."

Pablo Neruda

É engraçado *


Como coisas tão pequenas e simples como um telefonema que não se espera nos podem deixar tão tristes nuns dias e tão felizes noutros.

*... Though not in a ha-ha way.

segunda-feira, 25 de janeiro de 2010

2010 SAG Awards - Os upgrades

Em relação à anterior cerimónia - os Golden Globes -, os Screen Actor Guild Awards apresentaram uma série de upgrades
no que se refere aos modelitos. Também não era uma tarefa difícil. Isto na minha humilde opinião, claro.

Não me canso de admirar este vestido Catherine Malandrino que a Lea Michele escolheu para os SAG. É lindo, muito mais moderno e gracioso que o modelito negro dos GG.


Ora aqui está um upgrade que era canja de galinha. Na minha opinião, era difícil baixar a expectativa depois daquele vestido com aqueles apêndices. Aqui, a Drew já acertou em algumas coisitas: a cor do vestido é linda, o modelo faz lembrar os anos dourados de Hollywood. Não adoro, mas não detesto. Só a maquilhagem é falhou como as notas de 500 euros.


Como eu não morri de amores pelo Armani que ela usou nos GG, acho que a Penélope brilha muito mais neste vestido curto de L'Wren Scott. Eu usava!


Ainda que em branco, muito melhor. As costas estão lindas, e aquela jóia dá um toque de sensualidade...


Outro mega upgrade! A Diane Kruger, desta vez - e ao contrário da sua prestação nos GG - arrasou.


Não é que eu adore ver a Christina Hendricks nele, mas gosto bastante do vestido. E já não fica tão "Jessica Rabbit".


Boa aposta Sandra! Amei este vestido.


E pronto, acho que esta senhora D. Tina Fey acertou na mouche. O vestido dos GG era bastante mau, mas este Ferragamo (se não estou em erro) é top.

domingo, 24 de janeiro de 2010

Uma coisa que me irrita solenemente...


... é que alguém me diga "Vamos fazer isto ou aquilo no dia x?", uma pessoa faz planos e tal, "depois combinamos melhor!", chega o dia, ninguém diz nada, manda-se um sms a perguntar "então, está de pé tal e tal?" e as pessoas do outro lado nem sinais de vida. Eu já odeio que não me respondam a uma mensagem; mas o que me deixa mesmo enervada é que as pessoas digam coisas, que ficam semi-combinadas, faltando apenas acertar hora e local, e depois literalmente nos ignorem. É o meu lado control freak, que gosta de combinar coisas e de planificar. Que cria alguma expectativa em relação aos programinhas para que é convidado. A sério, isto deixa-me um bocado fora de mim. Humpf!

sábado, 23 de janeiro de 2010

Solo Urban Eating Concept


Ontem experimentei pela primeira vez este restaurante, com um conceito ultra-moderno e urbano (o próprio nome o indica). Bom, na verdade aquilo que experimentei foi a comida, porque fiz uso do serviço take-away. Embora conheça bem o espaço, e só tenha boas impressões dele, ainda não fiz um refeição in loco.

Mas a comida... japonesa tradicional e de fusão, com algumas (e saborosas) alternativas para quem não aprecie. É verdadeiramente fantástica! De notar que a ementa irá mudar em breve, no sentido de oferecer um menu alternativo para os não-apreciadores de sushi e afins.

Foi, sinceramente, o melhor sushi que comi em Braga (e um dos melhores ever). A repetir e a recomendar!

Já fui tão feliz em... #3










... Copenhaga. Junho de 2007.

sexta-feira, 22 de janeiro de 2010

Sexta-feira...


... é o melhor dia da semana. Prelúdio de fim de semana.

E das duas, uma: ou estou super bem disposta, cheia de energia e pronta a sair, festejar, rir; ou estou não-tão-bem-disposta, cansadinha do volume infernal de trabalho que a semana implicou e com vontade de ficar no ninho.

Hoje é um destes dias, e perdoem-me a labreguice if that's what it is, mas acho que tenho o programa perfeito para hoje:

- chegar a casa; (check)
- tomar um duche fervente, ao mesmo tempo relaxante e revigorante; (check)
- vestir algo bem confortável; (check)
- jantar um maravilhoso sushi no sofá, como não se deve fazer!;
- passar o serão debaixo da mantinha de pêlo, ver o último episódio da Anatomia de Grey, ver o So You Think You Can Dance, arranjar as unhas e pintá-las com o meu Risqué Affair.

Melancolia


Porque hoje me apetecia tanto estar num sítio assim.

Foto retirada daqui.

quinta-feira, 21 de janeiro de 2010

Fashion Police 2010


Hehehe a Fashion Police do E! muito me fez rir nos comentários aos modelitos dos Globos de Ouro. E pensei eu que era uma má língua!!! A Joan Rivers é cáustica como eu sei lá. A Khloe Kardashian não fecha bem a tampa, já se sabe. O Mr. Jay percebe da poda. E a Giovanna Rancic é funcionária do canal, por isso tem de ser politicamente correcta.
Quanto ao conteúdo: do mais divertido que pode haver. Diane Kruger, Anna Kendrick, Kate Hudson, Chloe Sevigny, Lea Michele, Christina Hendricks, Sandra Bullock, Drew Barrymore... todas devem ter as orelhinhas a queimar! A Mariah Carey então... foi cilindrada. Ah! E muito me ri também porque não fui a única a achar que tinham nascido coisas à Drew Barrymore.

Preciso de ajuda


Sinto-me sempre uma totó quando tenho estas dúvidas, especialmente porque em regra a resposta é sempre fácil ou estava mesmo debaixo do meu nariz.

Mas cá vai: como é que se agendam posts? É uma coisa que eu gostava muito de saber fazer e dava-me um belo dum jeitaço. Por isso, peço encarecidamente a ajuda das(os) bloggers mais experientes ou desenrascadas(os), desde já agradecendo a vossa assstência!

Na minha mesinha de cabeceira (#3)


Finalmente consegui acabar de ler o "Lua Nova". O tempo tem sido muito, muito escasso. Gostei bastante, mas como já tinha visto o filme, não posso dizer que estava em pulgas para saber o que iria acontecer a seguir. Tenho a certeza que o Eclipse me vai prender mais, por isso estou ansiosa por começar!

segunda-feira, 18 de janeiro de 2010

Golden Globes - a má língua


Zoe Saldana. Não é péssimo, mas há para ali farrapos a mais.


Sandra Bullock. Aquela saia meio transparente, tipo organza, não me convence.


Penélope Cruz. Adoro o cabelo, adoro o bronze, detesto o vestido. Decote meio à "velhota", depois o corpo com aquelas riscas, a saia cauda de sereia no final às camadas... Coisada a mais.


Mariah Carey. Credooooooooo.


Lea Michele. Tanto vestido para uma menina tão mignonne. Preto retinto, ainda por cima.


Kate Hudson. E eu que gosto sempre tanto desta menina. Mas o vestido origami (como li algures) é um bocado over the top para o meu gosto. E o sapatão é feioso.


Julia Roberts. Eu ia jantar fora com o meu homem neste vestido. Ou a uma saída, ao teatro. Aos Golden Globes... meehhhh. Too casual.


Elisabetta Canalis. Aquela tatoo matou-me. Não consigo gostar de tatuagens nos braços em mulheres (já sabe Deus em homens). *suspira ao olhar para o Georginho todo derretido*


Fergie. Um bocadinho "pinxexa", mas gosto muito do Elie Saab. O cabelo escuro é que já me anda a enervar. Esta rapariga fica bem LOURA! Mas gosto muito do acessório que ela traz do lado esquerdo hehe... Não sei o que lhe aconteceu ao cabelinho, mas o Josh Duhamel fica bem descabelado e tudo.


Drew Barrymore. Jasus. Aquela coisa que o vestido traz à cintura faz-me literalmente impressão, parece que lhe nasceu ali alguma coisa má.


Diane Kruger. Usualmente sou fã do estilo dela, mas desta vez oh minha amiga.


Christina Hendricks. Medoooo. Aquelas boobies parece que estão prontas para saltar e aleijar alguém num olho.


Chloe Sevigny. Folhos, folhos, folhos!


Cameron Diaz. Algo ali é muito fraquinho. O vestido é mediano, ela está magra demais... No me gusta.


Anna Kendrick. É uma miúda, é pequenina, mas vestiu-se demasiado à matrona. Nao combina.


Julianne Moore. Normalmente, super elegante. Ontem passou-se.

Os modelitos dos Golden Globes

Ui, o que já se deve praí ter escrito sobre isto! Mas eu não conseguiria não deixar os meus two cents.

Gostei: (quem me conhece sabe que para mim, less is more!)


Kristen Bell em Jasmine di Milo. Gostei do look, embora confesse que gostaria bem mais se o vestido fosse igual, mas comprido.


Ginnifer Goodwin em Vionnet. Ai esta cor, esta cor! O azul cobalto mata-me, adoro. E o vestido é super original.


Courteney Cox em Victoria Beckham (!!). Embora não adoooooore o black total (acho que uma clutch brilhante teria dado outra allure), acho que está muito bonita na simplicidade do outfit.


Marion Cotillard em Christian Dior. Gosto particularmente da cor, este verde seco pavão, e da rendinha que espreita pela abertura da saia.


Kate Winslet em Yves St. Laurent. Muito clean e muito elegante!


Olivia Wilde em Gucci. Divinal!


Jennifer Aniston em Valentino Couture. Magnífica, super simples, sexy como o raio. Só mesmo ela.


Emily Blunt em Dolce & Gabbana. A minha preferida da noite. Eu até que nem vou muito com os tons nude, ou rosa clarinhos, mas acho que ela está fabulosa no conjunto! O cabelo solto com aquelas ondas desfeitas dá o toque chique final ao outfit. Para mim, perfeita!

Também gostei muito da Toni Collette, da Glenn Close (para mim, estava tal qual uma mulher madura deve vestir nestas ocasiões)...