segunda-feira, 6 de fevereiro de 2012

Não fiquei grande fã

Não fiquei grande fã desta versão americana do primeiro filme da trilogia Millennium. Apesar de adorar tudo o que o David Fincher fez até ao momento, este desiludiu-me um bocado. Talvez por ter lido os livros... quando isso acontece, normalmente fico presa ao meu imaginário e ao enredo do livro (principalmente se tiver gostado). Nota alta para a banda sonora though.

Bem mais fiel, o filme escandinavo que antecedeu. Desse até gostei bastante, apesar (ou talvez por causa) da ausência da espectacularidade que o cinema de Hollywood sempre imprime aos seus trabalhos.

E definitivamente, apesar da febre Rooney Mara, gostei MUITO mais desta Lisbeth Salander da Noomi Rapace. Mais understated, mais crua, ainda menos emocional.

6 comentários:

Me disse...

ENtretanto disseram-me exactamente o mesmo que escreveste, que as outras versões são bem mais espectaculares (sem a espectacularidade holiywoodesca)!

Beijoca babe

Pipita de Chocolate disse...

Nunca vi a versão sueca, mas a versão americana deixou muito a desejar...lá está quem lê o livro fica desiludido! Acho que se perdem imensos pormenores importantes... O marido já não me podia ouvir corrigir o filme! Ele nunca leu o livro e adorou!

Beijinhos

Me disse...

A versão escandinava que vi ontem é bem mais completa! Tens toda a razão!

Queen of Hearts disse...

Obrigada meninas :)

Miss Star Pink disse...

Se vocês dizem eu acredito!
Como nunca li os livros não sei fazer a comparação.
Já agora (vou encher-me de lata) tu tens os livros?

Beijinho

Dulce disse...

Ainda não vi a versão Hollywoodesca, mas já vi os três filmes suecos... Muito bons, quem dera a muitos países da Europa fazer filmes daquela qualidade! E fiquei fã da Noomi Rapace, que já anda por Hollywood (ela merece).