quarta-feira, 27 de junho de 2012

Zombie, eu?

O pequeno, para comemorar os oito meses e o facto de já se estar a tornar um homenzinho, decidiu que a noite é para os fraquinhos. Vai daí, acordou de hora em hora, exceptuando um pequeno intervalo ali entre as 4 e as 5 da matina.

Por isso, senhoras e senhores, o tom esverdeado da minha pele, a roupa mal ajarangada, o andar arrastado, a fala entaramelada e os olhos mortiços não querem dizer nada. Não se ponham já com ideias de me andarem a apontar armas de fogo e outras coisas perigosas à carola.

Sem comentários: