terça-feira, 28 de agosto de 2012

Aos velhos que, desgovernados, calcorreiam as passagens de peões desta minha cidade.

Não se enganem. Não é ao acaso que o bonequinho vermelho é assim, hirto, estático. Ele conta toda uma história, a história de um cidadão sénior que atravessava a rua sempre nos lugares assinalados, mas nunca ligava ao sinal luminoso. Até que um dia se cruzou com um rolo compressor em excesso de velocidade.

2 comentários:

Vee disse...

Não é só nessa tua cidade. Eu tenho uma teoria que depois de uma longa vida já perdemos o medo à maior parte das coisas e então... é a loucura.

Mi♥ disse...

Ui, aqui nem quando o sinalzinho está verde! É melhor é ter cuidado e os velhotes? Esse só passam quando a rua está deserta... Porque faça "feu rouge ou feu vert", ficam passados a ferro com certeza!

Beijinho
Mi♥
justanotherblogornot.blogspot.be