domingo, 24 de março de 2013

Ora eu, que não sou dada aos desafios da blogosfera...

... fui gentilmente indicada pelas queridas Gossip Mommies para responder a este. É um desafio Q&A diferente, com perguntas sobre nós mas também sobre a nossa maternidade, logo parece-me interessante responder! Aqui vai disto.
Parte 1, sobre mim:
Prato favorito:
Só um? Não consigo. Não sou muito de um favorito, tenho sempre vários e vão-se alterando conforme as experiências e as circunstâncias. De todo o modo, se tivesse de escolher e afunilar os resultados: sushi (never gets old) e marisco - arroz de marisco, por exemplo.

Peça de roupa e acessórios:
Vestidos. Jeans. Sapatos de todo o tipo.

Música favorita: 
Again: uma?... Não posso. Algumas: Black, Pearl Jam; D'yer Mak'er, Led Zeppelin; Lover, you should've come over, Jeff Buckley; Piece of my heart, Janis Joplin; ...

Flor:
Gosto de papoilas, amores-perfeitos, plumérias

Cor:
Vermelho.

Cheiro favorito: 
Terra molhada, maresia, o meu bebé (com a fralda limpa, bem entendido), o Dolce & Gabbana azul escuro de homem
 
Livro favorito:
Aqui recuso-me mesmo a responder. Gosto muito de policiais, de histórias de mistério. Li com muita avidez a trilogia Millenium, tudo da Agatha Christie a que fui conseguindo deitar a mão, a colecção Roma Sub-Rosa e a colecção Noites Brancas.

Local:
Qualquer um que me traga sensação de paz.

Brincadeira favorita: 
As que faço com o meu filho.


Quotes mais importantes para a vida:
Há uma que tenho de tentar viver na prática: mind over matter. Acreditar para mudar.

Maior mentira: 
Viver o dia-a-dia fingindo um estado de espírito que não está lá.


Maior traquinice:
Lembro-me de um dia regressar da escola a pé com os meus amigos, literalmente em corta-mato, só pela aventura e sensação de transgressão das regras. Eram vários quilómetros, muitos até. Obviamente, a aventura não correu conforme esperado.


Gelado favorito: 
Os artesanais. Os da Spirito. Dos industriais: o Strawberry Cheesecake, o Salted Caramel e o Speculoos, da Haagen Dazs, e o Peanut Buttercup, da Ben & Jerry's.

Profissão que queria ter: 
Cheguei a querer ser tradutora, quis trabalhar como adida cultural, quis ser jurista-linguista. Mas gosto muito de fazer o que faço.

Defeito da mãe:
Ansiedade, falta de paciência.

Qualidade da mãe:
Dou o meu máximo para fazer o melhor que posso enquanto mãe.


Parte 2, para os filhos:

Fecho os olhos e a primeira imagem que tenho de ti é... 
A tua carinha traquina, com um sorriso que invariavelmente evolui numa risadinha marota.


O que guardarias na caixa de recordações dos teus filhos...
O sentimento gigante que tenho por ele.


Lugares onde querias levar os teus filhos... 
Todos aqueles onde já fui feliz, onde aprendi coisas, vivi experiências, comi iguarias...


Coisas que gostas que eles te digam... 
Mã, com aquele tom de mimo.


Coisas que não ias gostar que eles fizessem.
Que me mentisse.

O que não gostas de fazer aos teus filhos... 
Odeio quando perco a paciência com ele.

Queres muito que os teus filhos busquem...
O conhecimento, a realização pessoal e profissional. Acima de tudo, o que mais quero é que ele tenha saúde sempre e consiga ser feliz, com muito ou com pouco.

Este tinha mesmo de linkar...

... depois de ter levado um verdadeiro atestado de burrice no centro de saúde. Devia imprimir este texto e levá-lo comigo da próxima vez que lá for.

sábado, 16 de março de 2013

Agora que já passaram uns dias sobre a Biebermaniafeverthing





Imagens descaradamente roubadas daqui.

Os mistérios do ronco

  • É verdade que consigo passar por cima daquele troar e ouvir um gemido do miúdo no quarto dele, mesmo que as portas estejam fechadas. Como, não sei. Deve ser um super-poder adquirido.
  • O miúdo acorda com o mínimo ranger de soalho. Mas se estiver a dormir ao lado do pai dorme mesmo com o som do martelo pneumático encostado a ele. 
  • O miúdo ainda nem tem um ano e meio e já ressona.

domingo, 3 de março de 2013

Amor querido da sua mãe

Especialmente aos fins de semana.

sábado, 2 de março de 2013

Next in line

Posso esquecer-me de pôr o perfume, a maquilhagem, mas não passo sem hidratação + pele cheirosa. Pancadas.

Pequenos prazeres

Ficar com este cheirinho no corpo horas e horas. É mesmo uma delícia, e quem mo ofereceu tem muito bom gosto :)

sexta-feira, 1 de março de 2013

Panic mode: on



Agora que eu descobri que isto existe, como é que vou conseguir passar um dia sem comer? Drama queen mode on, too. Edit: não só descobri que existe, como a senhora das promoções me deu duas bolas bem servidas, para eu não ficar a babar... Por isso sei do que estou a falar. Instalou-se o pânico.

Não por acaso, é sexta-feira


Bom fim de semana!